icon

ÓLEO ESSENCIAL DE FENO GREGO: UM PODEROSO IMUNOMODULADOR E ANTIDIABÉTICO

ÓLEO ESSENCIAL DE FENO GREGO: UM PODEROSO IMUNOMODULADOR E ANTIDIABÉTICO

O feno grego (Trigonella foenum-graecum) é uma planta herbácea pertencente à família das leguminosas, conhecida e consagrada por suas poderosas sementes de coloração marrom dourado.

Nativo da Europa e de partes da Índia, atualmente é cultivado em quase todo o mundo. Os diversos usos da planta vão de um usual tempero culinário, a um alimento nutracêutico, um ingrediente para a fabricação de saponáceos e perfumes, até chegarem aos seus surpreendentes efeitos terapêuticos que vêm despertando a atenção da ciência nos últimos anos.

É nas sementes de feno grego que se concentra o seu óleo essencial, um poderoso agente terapêutico, que em estudos demonstrou ser um potente imunomodulador do organismo, propriedade já conhecida pela Ayurveda e pela Medicina Tradicional Chinesa há milhares de anos.

Dentre todas as propriedades medicinais conhecidas do feno grego, a ação hipoglicêmica das sementes é a mais estudada e explorada. Tanto o óleo essencial, quanto diferentes extratos de suas sementes demonstraram em estudos ações antidiabéticas em cobaias e humanos, apresentando ação semelhante a insulina. A administração oral de extratos da planta demonstraram regular a homeostase da glicose em cobaias diabéticas do tipo 1 e 2, inibindo a digestão e absorção de carboidratos e aumentando a ação periférica da insulina.

OUTRAS PROPRIEDADES CIENTIFICAMENTE COMPROVADAS DAS SEMENTES DE FENO GREGO:

– ANTIOXIDANTE: As sementes de feno grego demonstraram atividade antioxidante em diferentes sistemas de modelos experimentais. As sementes de feno grego demonstraram inibir e reduzir o estresse oxidativo das células, protegendo especialmente as hemácias e as funções renais, além de também estimular a atividade de enzimas antioxidantes em tecidos do coração e fígado em casos de diabetes. Os efeitos são atribuídos a presença de flavonóides e polifenóis encontrados nas sementes.

– ANTILIPÍDICO: As sementes de feno grego administradas em uma dose de 2,5g, duas vezes ao dia durante três meses em pacientes com doença arterial coronariana, demonstrou reduzir significativamente os lipídios sanguíneos, o colesterol total e triglicérides, reduzindo a agregação plaquetária. O efeito redutor lipídico hepático das sementes de feno-grego pode ser atribuído ao seu papel na modulação da atividade de várias enzimas do metabolismo da glicose e dos lipídios.

– ANTICANCERÍGENO: O tratamento com extrato de feno grego demonstrou efeitos inibidores do crescimento nas linhagens de células de câncer de mama, pâncreas e próstata. Seus efeitos são atribuídos à sua capacidade de induzir a
apoptose, morte celular, de células cancerígenas.

– ANTI-INFLAMATÓRIO: Em modelos in vitro o extrato metanólico das sementes de feno grego inibiu a produção de citocinas inflamatórias e cobaias com artrite. O extrato demonstrou atuação anti-inflamatória, analgésica e antinociceptiva, os efeitos foram semelhantes ao fármaco diclofenaco sódico.

– ANTIMICROBIANO: Testes in vitro demonstram que todas as partes de feno grego possuem atuação antifúngica contra patógenos resistentes a medicamentos, incluindo Botrytis cinerea, Fusarium graminearum, Alternaria sp., Pythium aphanidermatum, Candida spp, Rhizoctonia solani. Extratos das sementes também demonstraram inibir bactérias como Helicobacter pylori, Pseudomonas aeruginosa, Escherichia coli e Staphylococcus aureus.

– HEPATOPROTETOR: As sementes de feno grego atuam estimulando a digestão e em testes em humanos demonstraram suprimir o crescimento de células hepáticas em lesões gástricas, restaurando os níveis alterados de enzimas da função hepática. Os resultados demonstram efeitos semelhantes ao fármaco omeprazol. Os dados apresentados sugerem que o feno grego pode ser considerado para uso na terapia complementar em pacientes com câncer para prevenir a toxicidade quimioterápica.

Você já conhecia as propriedades deste poderoso óleo essencial?

O óleo essencial de feno grego é extraído via CO2, técnica que assegura e permite a integridade química e propriedades terapêuticas do óleo essencial.

Extrato Glicólico de Feno

Extrato Fluido de Feno Grego

 

 


Deixe um comentário

Os comentários devem ser aprovados antes de serem publicados

Related Posts

Os 6 erros de óleos essenciais que você provavelmente está cometendo
Os 6 erros de óleos essenciais que você provavelmente está cometendo
Antes de pegar seu difusor de óleo essencial, leia isto. À medida que os óleos essenciais se tornaram cada vez mais p...
Read More
EFEITOS DA INGESTÃO DE ÓLEO DE PEIXE PARA A SAÚDE DA POPULAÇÃO
EFEITOS DA INGESTÃO DE ÓLEO DE PEIXE PARA A SAÚDE DA POPULAÇÃO
RESUMO   Peixes são animais consumidos por diferentes culturas e países no mundo, esses são extremamente ricos em div...
Read More
11 óleos essenciais: seus benefícios e como usá-los
11 óleos essenciais: seus benefícios e como usá-los
11 óleos essenciais: seus benefícios e como usá-los Além de cheirar bem, os óleos essenciais também podem ajudar a me...
Read More