icon

Óleos essenciais: como eles podem te ajudar a ter uma vida mais leve e natural?

Eles são formados em plantas aromáticas e fazem parte do seu sistema imunológico e de proteção.

Fala meu povo da AnaMaria! Quero perguntar uma coisa para vocês: alguém aí conhece ou já usou óleos essenciais? Pois saiba que eles podem ajudar a tratar problemas físicos e emocionais, sendo grandes aliados para melhorar a sua saúde.

Eu utilizo esse tipo de produto há mais de 10 anos e posso garantir que eles melhoraram minha pele, meu cabelo e até minha qualidade do sono. Eu sei, é claro, que não podemos dispensar os métodos tradicionais para o tratamento adequado de uma condição clínica, mas evitar o uso excessivo de medicamentos e apostar em tratamentos alternativos é uma saída para atingir equilíbrio, saúde e reduzir a ingestão de remédios cheios de efeitos colaterais.

Para contar mais sobre os óleos essenciais, e como podemos colocar no nosso dia a dia, conversei com o osmólogo (especialista em aromas) e CEO da WNF, empresa referência no plantio, fabricação, comercialização e educação em óleos essenciais, Fernando Amaral. E vamos aos ensinamentos!!

MAS, AFINAL, O QUE SÃO OS ÓLEOS ESSENCIAIS?
Eles são formados em plantas aromáticas e fazem parte do seu sistema imunológico e de proteção. Por exemplo: quando uma laranjeira faz um fruto, ela precisa conservá-lo. Por isso, na casca, você tem o óleo essencial de laranja.

A extração desse produto, por sua vez, é feita através de um processo de destilação a vapor d’água, sendo a substância mais concentrada que existe na natureza para aplicação na saúde humana.

COMO ELES ATUAM NA NOSSA SAÚDE?
Quando estão nas plantas, os óleos essenciais atuam como conservantes, protegendo-as da decomposição, que é causada por fungos e bactérias. Desta forma, eles têm propriedade bactericida, viricida e fungicida.

Além disso, por terem nascido no meio celular da planta, os óleos essenciais entendem a linguagem das células. Então, quando passamos no corpo, ou inalamos, por serem leves e voláteis, eles penetram no organismo e mandam informações para as nossas células e nossos sensores, ativando, por exemplo, o sentido olfativo (aromaterapia).

COMO UTILIZAR?
Como você pode ter percebido, os óleos essenciais são uma substância natural de altíssima performance na saúde e na beleza do organismo humano. Eles atuam, principalmente, por vias olfativas e pela pele, através de massagens, banhos, fricções e compressas.

Ah, e vale ressaltar: embora a gente fale em óleos essenciais, eles não possuem nenhuma oleosidade. Na verdade, são bem mais parecidos com álcool e acetona do que com óleo mesmo. E, claro, têm um cheirinho delicioso.

3 ÓLEOS ESSENCIAIS PARA COMEÇAR A USAR JÁ
Para você começar sua experiência com óleos essenciais, Fernando separou três tipos pensando em pontos e sistemas da nossa saúde e bem-estar.

Óleo de eucalipto
Sistema respiratório. Seu aroma vai estimular o sistema imunológico, limpar as vias respiratórias e criar uma situação de conforto no sistema respiratório. Você pode pingar no travesseiro ou usar em difusores.

Óleo de lavanda
Sistema nervoso. Boa opção para dormir e relaxar sentindo o aroma através de difusores. Em torcicolos, por exemplo, você pode espalhar o óleo na região, massageando a área.

Óleo de melaleuca
Espinhas, pequenos cortes, frieiras. Para pequenas feridas funciona como um complemento na cicatrização. Nesse caso, você aplica um pouquinho, uma gota, afinal, eles são bem concentrados.

 

Fonte: https://anamaria.uol.com.br/noticias/bem-estar-e-saude/oleos-essenciais-como-eles-podem-te-ajudar-a-ter-uma-vida-mais-leve-e-natural.phtml

 


Deixe um comentário

Os comentários devem ser aprovados antes de serem publicados

Artigos Relacionados